Analise o comportamento dos motoristas através da Gestão de Frota

4 Flares Filament.io 4 Flares ×

Gerenciar uma grande frota de veículos e, ao mesmo tempo, garantir que os gastos não estourem os limites do orçamento mensal da empresa não é tarefa fácil. Mas com o auxílio de um moderno sistema de gestão de frota, é possível administrar os serviços de transporte mesmo à distância, fiscalizando o comportamento dos motoristas ao volante e, dessa forma, diminuir incidentes com multas ou sinistros e o injustificável desperdício de combustível.

A direção agressiva, além de mais suscetível a multas, é um enorme risco para pedestres e passageiros e, por isso, jamais deve ser negligenciado: qualquer descuido pode ser fatal. Já a má condução do veículo precisa ser detectada o mais rápido possível, a fim de evitar a redução do tempo útil da frota e os prejuízos com consertos em oficinas. Em todos esses casos, o sistema de gestão de frota pode agir como um preventivo eletrônico.

Entre os possíveis incidentes que podem ser evitados com um bom sistema de gestão da frota, veja os 3 principais:

Maus condutores

Motoristas ruins geram multas, causam danos aos veículos, além de se envolverem mais facilmente em acidentes de trânsito. O sistema é capaz de detectar dados como gasto excessivo de combustível e excesso de velocidade que, se cruzados com o histórico da carteira de habilitação do condutor, podem ser um forte indício de mau profissional. O sistema municia o gestor de dados palpáveis para que ele tome as providências cabíveis contra o motorista infrator, ou venha a investir em uma campanha de conscientização dos funcionários.

Custos elevados de manutenção

Um simples cruzamento de dados feito através do sistema de gestão da frota pode revelar o tempo que cada veículo fica parado para eventuais manutenções, bem como os tipos de reparos que são feitos e os gastos com oficinas. Para a empresa, o que mais interessa é poder identificar quais os motoristas geram mais despesas desnecessárias, podendo adverti-los ou mesmo educá-los quanto aos dispêndios. Muitas vezes, cursos de reciclagem são soluções bem mais válidas do que demissões.

Maus profissionais

Profissionalismo no caso de frotas vai muito além de dirigir bem ou mal. Significa administrar conscientemente os recursos repassados pela empresa, assim como o material ou instrumentos de trabalho. Um dos principais recursos é o tempo. Mau profissional é o que utiliza irresponsavelmente esse recurso, seja estendendo o horário de almoço, resolvendo pendências pessoais durante o horário de trabalho ou alterando rotas ao seu dispor. Situações facilmente detectáveis por meio do GPS inerente ao sistema.

Porém, mais do que fiscalizar e fornecer subsídios para punições, o sistema de gestão da frota é um grande otimizador da gestão de qualquer empresa encarregada de frotas de transporte, imprimindo mais agilidade nos processos de comunicação, menos burocracia e alta precisão na detecção de falhas. Além de, é claro, instituir uma relação mais sólida e transparente entre colaboradores e funcionários.

E então, você vai instalar o sistema de gestão de frotas no seu negócio? Não se esqueça de voltar aqui e contar pra nós os benefícios que essa ferramenta trouxe para você!

 

4 Flares Google+ 1 Twitter 1 Facebook 1 LinkedIn 1 Email -- Filament.io 4 Flares ×